O Projeto Gênesis

Um grande desafio, onde a premissa era preservar e encontrar o equilíbrio

O Projeto Gênesis foi um grande desafio, que começou a ser idealizado em 1998. A premissa do projeto foi de preservar o máximo possível a mata existente, que ocupava 60% do total da área, mas tradicionalmente os empreendimentos da região ocupavam, por coincidência, cerca de 60% do total da área com lotes e reservavam apenas 15% para área verde. Os especialistas do mercado imobiliário acreditavam que o projeto seria inviável economicamente, pois o aproveitamento da área era quatro vezes menor do que o normal. Mas a equipe do projeto tinha um sonho: conceber um desenvolvimento urbano em harmonia com a Mata Atlântica existente no local. E acreditava ser possível tornar viável o Projeto Gênesis, agregando valor com a preservação e integração do meio ambiente.

Havia, portanto, a necessidade de informar o diferencial ambiental do empreendimento para os potenciais compradores e para isso, toda a publicidade foi desenvolvida em tons de verde e mostrando a natureza exuberante do local.

Quatro anos depois o Projeto Gênesis, desenvolvido pelo arquiteto Reinaldo Pestana, estava pronto para lançamento do Residencial Gênesis I e pesquisas de opinião com as imobiliárias mostraram que o preço poderia ser cerca de 20 a 40% maior do que o imaginado.

Logo o preço de lançamento do Gênesis I foi 20% acima do esperado, tendo vendido tudo o que estava disponível em cerca de um mês. Tamanho sucesso chamou a atenção dos empreendedores, que passaram a questionar alguns compradores sobre o que eles achavam que tinham comprado.

Acreditava-se que o centro de lazer da forma como estava projetado atenderia aos anseios dos clientes, mas percebeu-se ao questionar alguns compradores que tudo o que havia sido pensado poderia estar em suas casas. Em relação ao meio ambiente, os compradores imaginavam que haveria vários programas ambientais, com ONGs assessorando o desenvolvimento do empreendimento. A partir deste momento, parte da receita adicional (obtida com a venda dos lotes a preços 20% acima do esperado) foi utilizada na remodelagem do centro de lazer. A piscina 4x8 se transformou em uma piscina aquecida semi-olímpica, o espaço para as crianças brincarem se transformou em um confortável salão de festas equipado com home theater e integrado a um espaço gourmet, foi criada uma sala de fitness, sauna úmida, playground e uma loja de conveniência, para atender necessidades básicas dos moradores.

Além disso, neste momento, os empreendedores resolveram que deveriam buscar entidades sérias e reconhecidas na área ambiental, na expectativa de criar soluções inovadoras para o desenvolvimento urbano mais sustentável, utilizando a outra parte adicional da receita esperada.

Ações Ambientais

Um projeto único por natureza.

Buscou-se entidades sérias e reconhecidas na área ambiental, na expectativa de criar soluções inovadoras para o desenvolvimento urbano mais sustentável. Começando com a Fundação Brasileira para Desenvolvimento Sustentável (FBDS) e Fabio Feldmann Consultores, que apresentou as ONGs SOS Mata Atlântica e Amigos da Terra. Com a primeira, o Gênesis participa do Programa Florestas do Futuro com o compromisso de plantar 150 mil árvores, enquanto que a Amigos da Terra - Amazônia Brasileira auxiliou na compra de madeira certificada pelo FSC para o Residencial Gênesis II e a Y. Takaoka é a primeira empresa incorporadora do país com tal certificação emitida pela Imaflora/Smartwood. Além disso, foi desenvolvido um sistema de gestão ambiental para o Projeto Gênesis, que obteve certificação ISO 14.001 em 2006, emitida pela empresa BRTuV, que pertence ao grupo TÜV Nord, da Alemanha.

O Projeto Gênesis também participa do projeto FINEP (Financiadora de Estudos e Projetos), do Ministério da Ciência e Tecnologia, para fomentar a pesquisa e difusão de conhecimento sobre construções residenciais nas seguintes áreas: uso racional da água e energia, seleção de materiais de construção e geração de resíduos em obras, com o objetivo de divulgar os resultados destas pesquisas para os compradores dos lotes e para a sociedade, de forma que possam utilizar este conhecimento para o desenvolvimento mais sustentável de suas residências. Os incorporadores doaram 170 ha de área para a Associação Vuturussu, uma associação civil sem fins econômicos, com o objetivo social de preservar as áreas com cobertura de mata tropical nativa no entorno dos residenciais, contribuindo, assim, para a conservação da biodiversidade regional e a conseqüente promoção da qualidade de vida da comunidade.

Como resultado de todas as ações ambientais do Projeto Gênesis obteve-se um aumento de 24,8% das áreas de florestas (cerca de 500.000 m²), que interligam fragmentos de florestas e criam corredores de fauna, numa área que totaliza com a floresta já existente no empreendimento 2.500.000 m² de Mata Atlântica. Essa mata propicia um clima na região mais ameno e saudável para as pessoas, na medida em que reduz os efeitos de ilhas de calor no meio urbano. Outro resultado dessas ações é a contribuição de forma relevante pela fixação de CO2 ao longo de 20 anos, de modo que em apenas 6 anos (em 2008) já foi fixado todo o volume de CO2 emitido pelo uso de combustíveis fósseis dos equipamentos e máquinas utilizados na implantação do empreendimento (certificado emitido pela BRTüV)

Além desses resultados, é relevante a satisfação dos clientes após a entrega dos empreendimentos, o que pôde ser comprovado por uma pesquisa de satisfação desenvolvida pela empresa TNS InterScience, que verificou em março de 2005 (um ano após a entrega do Gênesis I) 48% de clientes encantados, 47% satisfeitos e 5% insatisfeitos, sendo que em uma escala de nota de 0 a 10, os clientes encantados atribuíram 10 ao empreendimento e satisfeitos atribuíram notas entre 7 e 9. A mesma pesquisa foi refeita em novembro de 2007 para o Gênesis II (um ano após sua entrega), verificando-se 49% de clientes encantados, 51% satisfeitos e nenhum insatisfeito no universo pesquisado. Entre os prêmios recebidos pelo Projeto Gênesis estão: Master Imobiliário - Secovi (2004), Prêmio Ambiental Von Martius - Câmara de Comércio Brasil-Alemanha (2004), Super Top de Marketing - ADVB (2005), Prêmio Eco - Câmara Americana de Comércio (2006) e Prêmio Planeta Casa - Editora Abril (2007).

Localização

Galeria

Um projeto premiado pelo zelo com o meio ambiente.

Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis
Portfolio Genesis